Terça-feira, 22 de Abril de 2008

A "Tórada"

 
Não importa sol ou sombra  

camarotes ou barreiras

toureamos ombro a ombro

as feras.

Ninguém nos leva ao engano

toureamos mano a mano

só nos podem causar dano

esperas.

Entram guizos chocas e capotes

e mantilhas pretas

entram espadas chifres e derrotes

e alguns poetas

entram bravos cravos e dichotes

porque tudo o mais são tretas.

Entram vacas depois dos forcados  

que não pegam nada.

Soam brados e olés dos nabos

que não pagam nada

e só ficam os peões de brega

cuja profissão não pega.

Com bandarilhas de esperança

afugentamos a fera

estamos na praça

da Primavera.

Nós vamos pegar o mundo

pelos cornos da desgraça

e fazermos da tristeza

graça.

Entram velhas doidas e turistas

entram excursões

entram benefícios e cronistas

entram aldrabões

entram marialvas e coristas

entram galifões de crista.

Entram cavaleiros à garupa

do seu heroísmo 

entra aquela música maluca

do passodoblismo

entra a aficionada e a caduca

 

mais o snobismo

e cismo...

Entram empresários moralistas

entram frustrações

entram antiquários e fadistas

e contradições

e entra muito dólar muita gente

que dá lucro aos milhões.

E diz o inteligente

que acabaram as canções.

 

La, la, la, la, la, la, la, la, la, la

La, la, la, la, la

La, la, la, la, la, la, la, la, la, la

La, la, la, la, la...

 

 

Musica de Fernando Tordo.

Letra de Ary dos Santos

Escrito no final de 1972. Interpretada por Fernando Tordo, concorreu ao Festival da RTP de 1973 onde obteve o 1º lugar.

(composição/autoria da foto - Rosa Silva/Azoriana)

 

Dedico este post a todos os amigos, que nestes últimos dias, comigo participaram na brincadeira da "Toirada da Jo"!! Obrigada por terem aderido tão prontamente à ideia, provando mais uma vez que não há gente como a da Terceira!!! Terceirense rima com festa!!!... E seja no real ou no virtual, na proximidade ou na distância, onde há um Terceirense, há logo dois ou três, e há, com certeza, ALEGRIA!!!

Oh raça bendita, à qual eu me orgulho tanto de pertencer, que tens a folia nas veias!!!

Jo

 

Hoje sinto-me: "Tóreira"
Palavra de Joanina às 20:43

link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Joanina (sem agá), sou eu!

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Vôos recentes:

Caso ainda não tenham not...

Caso ainda não tenham not...

Feijoada de Frango

"Only divine order here."...

É tudo farinha do mesmo s...

Walk-n-Tone

Oráculo Chinês

Honestamente

Súplica

Um dia

Vôos passados:

Dezembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Catálogo de vôos

todas as tags

Pesquisa:

 

Altos vôos:

SER FELIZ... APESAR DE TU...

O CULTIVO DAS ROSAS

Eternamente

Carta à minha tia Bió

Carta para a minha Mina K...

O POETA E O GATO

És isto.. E muito mais!

À «Joanina» dos Açores

Oh minhas meninas, Helloo...

Para onde vôo:

blogs SAPO