Sábado, 16 de Agosto de 2008

Verso Florido

 

 

Eu sei não ser cantadeira
Nem nada de parecido,
Mas à moda da Terceira
Faço este Verso Florido!
 
Componho um bouquet de Rosas
Que é flor da minha estima
E com Hortênsias formosas
Vou completando esta rima
 
E para dar muita côr
A este arranjo de aquarelas
Entremeio-o com amor
E Boninas amarelas
 
Este verso de amizade
Leva brancas Açucenas
Representado a saudade
E também algumas penas...
 
E porque eu sou mulher
Outra flor junto também
A de nome Malmequer
Pois eu quero muito, e bem!
 
As Gereberas às cores
Simbolizam a alegria
Mas esta paleta de flores
Traz Lírios de nostalgia
 
Os rubros, vermelhos Cravos
Que colhi no meu quintal
Lembram-me a Terra dos Bravos
E todo o meu Portugal!...
 
E este verso de flores
Que fui fazendo com calma
É verde como os Açores,

E é verde como a minh’alma!!!

 

Paula Belnavis - Jo

16 de Agosto de 2008

 

Dedico este Verso Florido à Azoriana, que como sempre com as suas quadras, me inspirou, e aguçou a veia poética. E dedico-o também a todos os meus amigos, porque eles são as verdadeiras flores plantadas no colorido bouquet que é esta minha vida!

 

Nota: A imagem que ilustra este meu Verso Florido é a célebre tela "Lírios", pintada por Van Gogh. O original deste quadro encontra-se exposto no museu The Getty em Los Angeles, que eu já tive o enorme prazer, e privilégio, de visitar.

Tive a ousadia de usar esta imagem para ilustrar estas minhas singelas quadras, pelo que ela simboliza para mim. Esta tela foi a primeira obra original de um dos monstros "sagrados" da pintura mundial, que eu vi na minha vida, e por isso, e porque é de facto de uma beleza indescritível, fascionou-me na altura e até hoje ainda me fascina. Fiquei quase uma hora, em comtemplação, sentada em silêncio, em frente a este quadro e sentindo-me inundada de uma energia e um de turbilhão de emoções que mesmo que eu quisesse não saberia sequer explicar... Talvez porque a beleza pura contempla-se muito simplesmente, e não se explica!

  

Hoje sinto-me: Florida
Catálogo de vôos: , , ,
Palavra de Joanina às 19:57

link do post | bote palavra | favorito
|
14 comentários:
De Manuela a 16 de Agosto de 2008 às 22:43
Hello hello!
Mas que grande poetisa tu me saíste! :-)
Estou a gozar os meus últimos dias de férias, hoje fui bronzear mais um bocadinho, amanhã tenho de ir para bronzear do outro lado lol
Beijinhos
De Joanina a 17 de Agosto de 2008 às 04:13
Dá-me estas veias la de vez em quando...
Aproveita bem o que falta das ferias e trabalha bem esse bronze!!
Bj da Jo
De Azoriana a 17 de Agosto de 2008 às 00:36
" beleza pura contempla-se muito simplesmente"

Tomo as tuas palavras e deixo-me ficar a contemplar a beleza pura do teu "Verso Florido" que jamais será esquecido.

Vou guardar a tua obra de arte no solar das Cantigas da Terceira. Esse bouquet de vida faz-me tão feliz que nem imaginas. A tua veia poética sempre existiu e agora está a mostrar-se com o poder que a ilha te deu e dá.

Hoje é dia de emoções fortes. Esta é uma delas. Obrigada pela tua lindíssima dedicatória poética... Não vou dizer mais nada... Só contemplar.

Beiinhos
De Joanina a 17 de Agosto de 2008 às 04:16
Oh amiga Azor , obrigada pela tua gentileza!! Acredita que foi feito com muito carinho e sempre contigo no pensamento. Ainda bem que gostaste!
Bj da Jo
De Azoriana a 17 de Agosto de 2008 às 02:30
De Joanina a 17 de Agosto de 2008 às 04:17
Já fui ver e gostei imenso!! Obrigada. Esta lindo!
Bj da Jo
De Lala a 18 de Agosto de 2008 às 16:56
Joanina poetisa.
Que versos maravilhosos estes.
Adorei estás de parabéns, já não chegavam os bolos agora tens versos para acompanhar.
Continua assim.
Nós adoramos ler-te.
Bjinhos.
Lala
De Joanina a 20 de Agosto de 2008 às 15:59
Obrigada amiga Lala! Tu és mesmo um amor! Bj da Jo
De Mena a 19 de Agosto de 2008 às 01:26

Ola Jo
Parabéns pelos teus sucessos.
O Bolo está Lindo!
Os versos são de uma doçura maior do que a do açucar que usas-te para fazer o bolo.
beijos
Mena
De Joanina a 20 de Agosto de 2008 às 16:01
Obrigada amiga Mena! Tu também és um doce, mais doce que açúcar!! Bj da Jo
De poetaporkedeusker a 19 de Agosto de 2008 às 15:46
Olha, Jo, quem faz um poema destes, alegre, simples, colorido, florido, primaveril, não é alguém que anda a "tentar ser poeta"! É alguém que já tem raízes de poeta desde que nasceu!
E agora vou dar uma dentada no teu "Be Happy!" porque me quer parecer que também andam por aí raízes de "Mestre de Doçaria". Ah grande "melher"!
Ainda por cima ficas nesse estado diante dos "Lírios" do Vincent Van Gog, um dos meus pintores favoritos, senão O favorito!
Um grande abraço para ti!
De Joanina a 20 de Agosto de 2008 às 16:06
Amiga Poeta, eu acho não sou merecedora de tais elogios! Mas agradeço de qualquer forma a tua gentileza. Eu sou só uma Joanina tonta que para aqui anda a tentar aprender umas coisitas com quem verdadeiramente sabe e tem talento.
Bj grande da Jo
De poetaporkedeusker a 20 de Agosto de 2008 às 16:19
Pois, pois... esse talento todo já andava por aí há muito tempo! Eu, nestas coisas, tenho faro como os cachorros...
Um grande, grande abraço para ti Joanina linda e não tonta!
De Chicailheu a 1 de Setembro de 2008 às 23:05
Amiga Joaninha
Vim ver os seus belos versos, pois a Azoriana me chamou à atenção.
Gostei muito do que li!
Ela também bota lindas quadras!
Eu vou deixar uma:

Oh amiga Joaninha
Que tão belas quadras fazes
aqui também fica a minha
Com amizade e abraços!

beijinhos
Chicailheu

Comentar post

Joanina (sem agá), sou eu!

Carimbo de vôo:

O Blog da Joanina
Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

Horas de vôo:

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Vôos recentes:

Caso ainda não tenham not...

Caso ainda não tenham not...

Feijoada de Frango

"Only divine order here."...

É tudo farinha do mesmo s...

Walk-n-Tone

Oráculo Chinês

Honestamente

Súplica

Um dia

Vôos passados:

Dezembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Catálogo de vôos

todas as tags

Pesquisa:

 

Altos vôos:

SER FELIZ... APESAR DE TU...

O CULTIVO DAS ROSAS

Eternamente

Carta à minha tia Bió

Carta para a minha Mina K...

O POETA E O GATO

És isto.. E muito mais!

À «Joanina» dos Açores

Oh minhas meninas, Helloo...

Para onde vôo:

Madrinha de vôo:

Azoriana Blog
Azoriana Blog

Carta de vôos:

Vôos contados:

inteliture.com
search engine optimization
Creative Commons License
O Blog da Joanina está licenciado sob uma Licença Creative Commons.
blogs SAPO