Sexta-feira, 30 de Janeiro de 2009

Um vaca simples

 

 

A cena passa-se num restaurante da Ilha Terceira, Açores, aquando de um agradável jantar e convívio que tive com amigos, nas minhas férias de Natal.

Na ementa podia ler-se, entre outras coisas, o seguinte:

Bife de Vaca Simples

Uma das minhas amigas, indecisa sobre o prato que havia de escolher, indagou:

- O que será, um Bife de Vaca Simples?...

Resposta pronta da minha Mina Kida:

-É um bife de uma vaca que não tem tolices!

 

(eu sei, parece anedota, mas não é!)

 

Jo

Hoje sinto-me: Sem tolices
Catálogo de vôos: , ,
Palavra de Joanina às 05:06

link do post | bote palavra | ver palavra botada (8) | favorito
|

Carne de Porco Estufada à Moda do México

Recém chegada de férias, e como podem ver já de serviço na cozinha. Como a inspiração e a paciência andam ainda meias em baixo de forma, resolvi fazer esta carne de porco estufada, com um toquezinho à la México, pois é uma receita simples e que resulta sempre bem.

Uma sugestão rápida, porém gostosa, para uma reconfortante refeição no final de um dia de semana.

 

Carne de Porco Estufada à Moda do México

 

500 gr de carne de porco, partida em cubos
1 colher de chá de alho em pó
1 colher de chá de cominhos
1 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de farinha
1 chávena de água quente (aprox. 250 ml)
1 cebola média, picada grosseiramente
1 lata de tomate pelado, em pedaços (aprox. 400 gr)
1 pimento, cortado em cubos (verde, vermelho ou mistura dos dois)
Sal e pimenta preta, a gosto

Tempere a carne com o alho em pó, os cominhos, sal e pimenta a gosto.
Num tacho, aqueça o azeite e quando este quente adicione a carne, deixando alourar bem de todos os lados. Junte a farinha, mexendo sempre, durante cerca de 1 minuto. Gradualmente, sem parar de mexer, vá adicionando a água. Junte o tomate pelado, a cebola e o pimento. Rectifique os temperos, reduza o lume e deixe ferver tapado, mexendo de vez em quando, cerca de 40 minutos, ou até a carne estar cozida.
Sirva com arroz branco.

Nota: Receita para 4 pessoas. Se desejar, e gostar, pode adicionar uma malagueta ou qualquer outro tipo de tempero picante. Pode servir polvilhado de salsa fresca picada, ou coentros frescos também picados (pessoalmente prefiro os coentros).

Enjoy!

Jo

 

 

Catálogo de vôos:
Palavra de Joanina às 05:01

link do post | bote palavra | ver palavra botada (3) | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2009

Irmã

 irmã
 

do Lat.  germanu

s. f.,

nome por que se exprime o parentesco de uma pessoa do sexo feminino em relação a outras de qualquer sexo, filhos do mesmo pai e da mesma mãe.
 

 

No dicionário da língua portuguesa, esta é a definição da palavra irmã.

No dicionário do meu coração, é bem mais profundo o seu significado.

No meu dicionário, irmã, é uma parte de mim... É algo que está implícito no meu eu.

Irmã, são os risos, os afectos e os afagos... Os abraços trocados em cada despedida, em cada reencontro.

Irmã, são as cumplicidades... As palavras de conforto e encorajamento.

Irmã, são as brincadeiras partilhadas, as memórias vividas a uma só voz, as fotos de infância que guardamos nos baús de uma história que é a nossa, e que é vivida, e contada, em uníssono .

Irmã, são os serões passados a jogar à Marralhinha e ao Jogo das Compras,  são as travessuras secretas quando os pais se ausentavam para irem ao cinema, os almoços ajantarados dos Domingos, e é o calor de um Natal vivido em família.

Irmã, é ir contigo, de mãos dadas para o colégio, e sentir que se eu ficasse ao teu lado nada de mal me aconteceria. É sentir-me a salvo, é sentir-me segura.

Irmã, foi ver-te partir e saber que no entanto  nunca estarias distante.

Irmã, foi contigo partilhar o dom da vida quando tiveste o teu filho.

Irmã, é a amarra que me prende ao cais quando a maré enche e os ventos da vida teimam em me deixar sem Norte.

Irmã, é o farol que me aponta o rumo quando me perco nos caminhos que decido trilhar.

Irmã, é o porto de abrigo, que me acolhe de braços sempre abertos, quando como gaivota ferida, regresso a casa depois de uma tempestade.

Irmã, é partilhar as páginas de um livro que com o passar dos anos, e da vida, vamos escrevendo juntas e a duas mãos.

No meu dicionário... Irmã, és tu!
A tua Jo

 

À Girassol

29 de Janeiro de 2009

 

Hoje sinto-me: Tua irmã
Palavra de Joanina às 04:12

link do post | bote palavra | ver palavra botada (7) | favorito
|

Parabéns, Girassol!

(imagem retirada da net)

 

Sempre que o Sol
Pinta de anil
Todo o céu
O girassol
Fica um gentil
Carrossel.
(exerto de um poema do qual desconheço o autor)

 

Parabéns, Girassol!!

 

Catálogo de vôos: ,
Palavra de Joanina às 04:02

link do post | bote palavra | ver palavra botada (1) | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2009

No water... No "cleanas"!!

Se o post aqui abaixo era o relato daquilo a que eu chamo uma peripéciazinha, bom, este é o relato daquilo a que eu chamo um peripeciazona!!!

Então não querem ver que eu estou sem um pingo de água em casa há mais de 24 horas!?!?!?!... Parece que foi um cano que rebentou aqui perto... E, oh caninho difícil de reparar!!!... É que estamos nisto desde ontem de manhã...!!! E para já ainda não se vê uma luz ao fundo do túnel... Ou será que devo dizer, uma gota de água no bico da torneira?... 

Eu até agora estive calma... Mas a partir deste momento não respondo mais por mim, nem pelos meus actos, pois  não sei porquê, mas sinto que estou mesmo, mesmo, à beirinha de um ataque de nervos!!... É que sem água, no cleanas*, e eu sem cleanas*, começo a entrar em parafuso!!!

Please, help!!!!...

Jo

 

*Cleanas = Limpezas

Hoje sinto-me: A precisar de um duche
Palavra de Joanina às 18:14

link do post | bote palavra | ver palavra botada (4) | favorito
|

Joanina (sem agá), sou eu!

Carimbo de vôo:

O Blog da Joanina
Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

Horas de vôo:

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Vôos recentes:

Caso ainda não tenham not...

Caso ainda não tenham not...

Feijoada de Frango

"Only divine order here."...

É tudo farinha do mesmo s...

Walk-n-Tone

Oráculo Chinês

Honestamente

Súplica

Um dia

Vôos passados:

Dezembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Catálogo de vôos

todas as tags

Pesquisa:

 

Altos vôos:

SER FELIZ... APESAR DE TU...

O CULTIVO DAS ROSAS

Eternamente

Carta à minha tia Bió

Carta para a minha Mina K...

O POETA E O GATO

És isto.. E muito mais!

À «Joanina» dos Açores

Oh minhas meninas, Helloo...

Para onde vôo:

Madrinha de vôo:

Azoriana Blog
Azoriana Blog

Carta de vôos:

Vôos contados:

inteliture.com
search engine optimization
Creative Commons License
O Blog da Joanina está licenciado sob uma Licença Creative Commons.
blogs SAPO