Sexta-feira, 31 de Julho de 2009

Anda, Luísa!!!

Luísa sobe,

sobe a calçada,

sobe e não pode

que vai cansada.

Sobe, Luísa,

Luísa, sobe,

sobe que sobe

sobe a calçada.

Saiu de casa

de madrugada;

regressa a casa

é já noite fechada.

Na mão grosseira,

de pele queimada,

leva a lancheira

desengonçada.

Anda, Luísa,

Luísa, sobe,

sobe que sobe,

sobe a calçada

(e por aí fora... para ler o resto do poema, clique aqui)

Calçada de Carriche (excerto), António Gedeão in Poesias Completas

 

Pelo ritmo que a minha vida anda a tomar nestes últimos tempos, começo a desconfiar se afinal o meu nome não será mas é, Luísa!!

Jo

Hoje sinto-me: Uma Luísa
Catálogo de vôos: , ,
Palavra de Joanina às 15:34

link do post | bote palavra | favorito
|
13 comentários:
De Ju a 31 de Julho de 2009 às 16:17
Ohh Jo!!
Espero que consigas abrandar esse ritmo!

Um fim de semana cheio de alegrias e descando!

Ju & Baby!!
De Joanina a 31 de Julho de 2009 às 17:11
Juzinha & Baby,
Eu bem que quero, mas nao tem sido facil. E o fim de semana nao se adivinha muito melhor... Quer dizer, hoje a noite vou assistir a um concerto, e sempre vai dar para desanuviar... Mas o resto dos dias, vai ser a dar no duro outra vez! :((
Bom fim de semana.
Bj da Jo... Ou sera que devo dizer, da Luisa?
De Ju a 31 de Julho de 2009 às 17:22
Oh miga....
Bom fim de semana muita força e muito café para aguentares!!

Beijinhos

Ju & Baby!
De Joanina a 31 de Julho de 2009 às 18:15
Hoje já bebi 2 chávenas daquelas "amaricanas" bem grandes... E desconfio que 1 Starbucks is in my future too! :DDD
De Mário Rodrigues a 31 de Julho de 2009 às 17:53
Então moça?
Hoje não me apetece ficar triste…
Todas as coisas belas que tenho na vida, foram e são pagas com esforço, na melhor das hipóteses, mas, a maioria das vezes custaram-me sofrimentos e muitas lágrimas. No entanto vejo que tenho construído uma existência que me dá prazer e muitas alegrias. Hoje pode ser o dia do pagamento do tributo! Mas amanhã… Amanhã o sol brilhará cedo, preparando uma nova oportunidade para darmos mais um passo… ainda que pequeno, se duvidas tiveres… Respira fundo, não mais fundo; não, não entendeste, tão fundo que quase faz doer… isso… abre uma janela e não olhes… vê, observa com atenção! Exacto, aí está!
Faz-me um favor, sê feliz e desde que com dignidade, porta-te mal!
Vá, anda, hoje não me apetece ficar triste…

Bjs do Mário
De Joanina a 31 de Julho de 2009 às 18:31
Moço,
Então estamos em sintonia, pois hoje também não me apetece ficar triste. E ainda para mais e o meu dia de folga e tudo!...
Sei que tudo implica esforço, mas acho que estou numa daquelas fases da vida em que tudo implica muuuuuuuuuuuito mas muuuuuuuuuuuito esforço mesmo, e admito que isso me tem custado um bocadinho.
Embora goste do trabalho que faço, tem sobretudo custado muito adaptar-me a ele fisicamente. Não sei se me faço entender... Toda a minha vida trabalhei sentada numa secretaria, sem stress, sem nada. Agora tenho um trabalho onde não me sento, tenho de faze-lo obrigatoriamente num determinado período de tempo e não posso deixar coisas para o dia seguinte... Foi uma mudança grande na minha vida.
Ainda ontem dizia ao Husband, que detesto sentir-me assim sem energia, e sempre cansada... Mas para já e como me sinto. Com o tempo acho que ira melhorar.
Mas já respirei fundo, bem fuuuuuuuundo , e já estou pronta para me portar mal (como me mandaste fazer!)
Ah, e por favor, não fiques com a ideia que sou uma pessoa depressiva e infeliz que não sou de todo! Ando só cansada! ;)) Obrigada pelo apoio.
Bj da Jo
P.S. Ainda não fiz o bacalhau... Esta guardado para uma ocasiao especial que depois relatarei...
De Azoriana a 31 de Julho de 2009 às 17:57
A vida custa tanto... Ufa!

Enquanto descansas: Já ouviste falar da tal canção ou marcha ou outra coisa qualquer que já está em CD? Aquela do "Olé Taurino!"... Ah "melher" que estou em pulgas para ouvir o próprio, em pessoa, ao vivo, nas Cinco Ribeiras, a cantar a letra desta tua amiga. Sabes quem é? É Victor Santos que tem uma voz sonante e que estremece com isto tudo.

Bom fim-de-semana
Beijinhos da tua amiga muito ansiosa por chegar 15 de Agosto.
De Joanina a 31 de Julho de 2009 às 18:33
Se custa, amiga Azor, se custa!!!
Já vi no teu blog, sim, e imagino como deves estar feliz. Fico feliz por ti também E mais do que merecido!!
Bom fim de semana.
Bj da Jo
De Mário Rodrigues a 31 de Julho de 2009 às 18:07
Cara Jo,
Algumas delas, até nem morro de amores, mas por uma ou outra razão, ficaram-me cravadas...
E mais te digo, os "secret pleasures", nunca nos envergonham. Brejeira, é a espontaneidade da vida, é o ser sem "rede". Todos nós temos algo de brejeiros... Depois há os hipócritas cínicos...

Um bejo mulher!
De Joanina a 31 de Julho de 2009 às 18:38
Eu não me envergonho dos meus secret pleasures, mas prefiro mantê-los secret, pois tenho uma reputação a defender! LOL
"Brejeira e a espontaneidade da vida, e o ser sem rede"... Gostei... Acho que de certa forma ate me define! ;)
Um beijo home'!
De terceirence a 31 de Julho de 2009 às 19:48
Olá Jo.

Conheço este poema, já fiz até um trabalho, no tempo de escola, sobre a mulher e os direitos da mulher, onde pús este poema.

Axo-o lindo, é uma forma perfeita de caracterizar a vida de muitas mulheres em todo o mundo.

Parabéns pela divulgação.

Grande JO.

Bjinhos grandes

Da Terceirense
De Kathie a 31 de Julho de 2009 às 23:20
Sem dúvida gostarias igualmente do poema de Antero de Quental, "Era uma vez um papão":

Era uma vez um papão,
Que morava num saguão.
Comia só de feijão
Tomou uma indigestão.
Mandou vir cirurgião
P’ra fazer operação.
Disse-lhe o cirurgião:
Você é um toleirão!
Beba vinho e coma pão!
Viva com satisfação!
Respondeu-lhe o papão:
Oh que grande trapalhão!
Que lhe arrumo um bofetão!
Que lhe atiço um cachação!–
Foge o pobre cirurgião
Com a seringa na mão!
Dava gritos de pavão
Que metiam compaixão.
Corre o povo em confusão
Cuidando que era um ladrão.
Agarra! cerca! tem mão!
Larga a seringa, ladrão!
Parecia um furacão.
Corre o manco, corre o são,
Corre o gato mais o cão,
Atrás do pobre ratão.
Ora leve um canelão,
Ora dá seu trambolhão.
Mas nunca o tal maganão
Larga a seringa da mão.
Nisto sai dum casarão
Uma velha de bordão.
Traz vestido um casacão
Que ela herdou do pai Adão.
Brada a velha, com paixão:
Está perdida a nação!
Pois já não pode um cristão
Trazer seringa na mão!
Juro por este bastão
Que hei-de punir tal acção!
Parece a velha um leão
A repartir cachação.
O povo grita: traição!
Foge tudo em confusão.
Só ficou na praça um cão
Por padecer de fleimão.
E à porta do casarão
Quem ria como um bufão
Era o meu cirurgião
Com a seringa na mão!
De clara faria da rosa a 1 de Agosto de 2009 às 12:05
Joanina; Veja em directo a transmissão da tourada da guarita em: www.tv.azoresglobal.com pelas 18h.30 dos Açores.
Bom fim-de-semana!
Clara Faria da rosa

Comentar post

Joanina (sem agá), sou eu!

Carimbo de vôo:

O Blog da Joanina
Selo

(Usa Ctrl+C p/copiar
e Ctrl+V p/colar
o selo no seu blog)

Horas de vôo:

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Vôos recentes:

Caso ainda não tenham not...

Caso ainda não tenham not...

Feijoada de Frango

"Only divine order here."...

É tudo farinha do mesmo s...

Walk-n-Tone

Oráculo Chinês

Honestamente

Súplica

Um dia

Vôos passados:

Dezembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Catálogo de vôos

todas as tags

Pesquisa:

 

Altos vôos:

SER FELIZ... APESAR DE TU...

O CULTIVO DAS ROSAS

Eternamente

Carta à minha tia Bió

Carta para a minha Mina K...

O POETA E O GATO

És isto.. E muito mais!

À «Joanina» dos Açores

Oh minhas meninas, Helloo...

Para onde vôo:

Madrinha de vôo:

Azoriana Blog
Azoriana Blog

Carta de vôos:

Vôos contados:

inteliture.com
search engine optimization
Creative Commons License
O Blog da Joanina está licenciado sob uma Licença Creative Commons.
blogs SAPO